Adrien Metge, da Yamaha, é o campeão do Rally Jalapão na Classificação Geral, Gregório Caselani, da Honda, em segundo e Ricardo Martins, Yamaha, é o terceiro. Túlio Malta, Yamaha o campeão na Moto 2. Bissinho Zavatti, da Honda, conquistou o título da categoria Rally Brasil.

Depois de 1200 km e três dias de prova, Adrien Metge é o campeão do 6º Rally Jalapão - Foto: Gustavo Epifânio
Depois de 1200 km e três dias de prova, Adrien Metge é o campeão do 6º Rally Jalapão – Foto: Gustavo Epifânio

A temporada 2020 do Rally começou com vitórias para a Yamaha IMS Rally Team. Depois de mais de 1.200 quilômetros de prova em três dias de competição no interior da Bahia, Adrien Metge foi o mais rápido e venceu o 6º Rally do Jalapão com o companheiro Ricardo Martins fechando o pódio na terceira colocação. Túlio Malta, quinto colocado na classificação Geral, foi o campeão na categoria Moto 2 (antiga Production Aberta).

Depois de vencer o segundo dia de prova, Adrien Metge largou neste terceiro e último dia tendo que descontar uma diferença de quase dois minutos para o líder, em uma especial de 163 quilômetros. Sem problemas para o piloto que tem a experiência de cinco Rally Dakar na bagagem. Tirou a diferença e garantiu a primeira vitória da temporada.

Gregório Caselani, da equipe Honda Racing, acelera a CRF 450RX no Rally Jalapão 2020. Crédito: Gustavo Epifânio/Mundo Press
Gregório Caselani, da equipe Honda Racing, acelera a CRF 450RX no Rally Jalapão 2020. Crédito: Gustavo Epifânio/Mundo Press

Pelo lado da Honda, a taça escapou das mãos do piloto Gregório Caselani na terceira e última etapa. Após liderar o ranking nos dois primeiros dias de prova com a Honda CRF 450RX, ele sofreu uma queda no km 10 da especial. “O tombo prejudicou a frente da moto e eu fiquei sem GPS. Mantive um bom ritmo até o final, mas acabei perdendo dois waypoints, o que gerou punição e me tirou a vitória. Estou chateado, pois vinha fazendo uma ótima prova, mas são coisas de corrida”, analisa.

Tricampeão da prova, Ricardo Martins conquista mais um pódio e é o terceiro colocado do 6º Rally Jalapão - Foto: Gustavo Epifânio
Tricampeão da prova, Ricardo Martins conquista mais um pódio e é o terceiro colocado do 6º Rally Jalapão – Foto: Gustavo Epifânio

Quem também tem motivos para comemorar é o “Rei do Jalapão”, o catarinense Ricardo Martins, que também levou sua WR450F ao pódio, garantindo o terceiro lugar na prova (terminou a corrida em segundo, mas o resultado foi alterado após avaliações de recursos pela organização). Assim, o piloto mantém a escrita de terminar as seis edições da prova no pódio, tendo vencido metade delas. Ricardo Martins continua como o maior vencedor do Jalapão.

Bissinho Zavatti, da equipe Honda Racing, acelera a CRF 250F no Rally Jalapão 2020. Crédito: Gustavo Epifânio/Mundo Press
Bissinho Zavatti, da equipe Honda Racing, acelera a CRF 250F no Rally Jalapão 2020.
Crédito: Gustavo Epifânio/Mundo Press

A Honda só comemorou o primeiro lugar na categoria Rally Brasil. Com vitórias nos três dias de prova, Bissinho Zavatti conquistou o título da categoria, direcionada a motocicletas de fabricação nacional, no Rally Jalapão. O piloto da equipe Honda Racing também conduziu a CRF 250F até o nono lugar da classificação geral das motos, único modelo nacional diante dos produtos importados e acima de 450 cilindradas que marcaram o Top 10 da competição.

Disputando a categoria Moto 2 (novo nome da antiga categoria Production Aberta), o mineiro Túlio Malta venceu a prova e ainda garantiu a quinta colocação na classificação Geral, colocando as três motos da Yamaha IMS Rally Team no Top 5. A categoria Moto 2, aliás, teve pódio completo azul: Bruno Leles foi o vice-campeão e Luciano Gomes o terceiro colocado.

Confira o resultados completos das motos no acumulado: http://www.chronosat.com.br/res/race.php?mod=2

Os pilotos da Yamaha IMS Rally Team tem novo desafio entre os dias 10 a 13 de setembro, quando acontece o Rally RN 1500, também válido pelo Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country. A prova será realizada no Nordeste, nos estados da Paraíba e Rio Grande do Norte.

A Honda não divulgou a agenda de seus pilotos.

Classificação Geral
1º) Adrien Metge / 8h04:18
2º) Gregório Caselani / 8h06:35
3º) Ricardo Martins / 8h10:49
4º) Jean Azevedo / 8h14:24
5º) Túlio Malta / 8h34:15
6º) Bruno Leles / 8h36:50
7º) Luciano Gomes / 8h40:37

Categoria Super Production
1º) Adrien Metge – 8:07:13
2º) Ricardo Martins – 8:10:49
3º) Gregório Caselani – 8:11:35 – Honda Crf 450rx
4º) Jean Azevedo – 8:14:24 – Honda Crf 450rx
5º) Tunico Maciel – 17:11:41 – Honda Crf 450rx

Categoria Rally Brasil
1º) Bissinho Zavatti – 9:14:05 – Honda Crf 250f
2º) Andre Bezerra – 10:13:27 – Honda Xre 300
3º) Leonardo Martins – 10:26:57 – Honda Crf 250f
4º) Ypiranga Cortez Jr – 11:34:29 – Honda Crf 250f
5º) Francisco Pitombeira – 29:47:01

Deixe uma resposta