SuperBike Brasil traz novidades nos grids para a temporada 2018

O SuperBike Brasil terá algumas novidades nos grids de largada na temporada 2018 nas categorias SuperBike, SuperBike Extreme, SuperBike Light, SuperBike Stock, Evolution e Evolution 1000cc. A primeira etapa do Campeonato Brasileiro será realizada de 27 a 29 de abril no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Existem três grids de largada de motos 1000cc, ou seja, largam separados: o grid principal, o secundário e o da categoria Escola.

O principal é composto pelos pilotos da categoria SuperBike e também pelos pilotos classificados como SuperBike Extreme. Os pilotos da Extreme são aqueles que, historicamente, nunca registraram ou atingiram índices tão rápidos como o dos profissionais.

Já o segundo grid é composto essencialmente pelas categorias SuperBike Light e SuperStock, que são pilotos com índices acima dos tempos da SuperBike Extreme. A SuperBike Stock ainda exige que além de estar dentro dos índices específicos, o piloto ande com motos originais, sem preparação e eletrônica. Dentro deste mesmo grid, ainda permanecerão as categorias criadas em 2017: Evolution e Evolution 1000cc, que são compostas por pilotos do grid principal, mas que não são historicamente tão rápidos, e por pilotos que estão no processo de evolução da categoria Light.

O terceiro grid, que é a Categoria Escola, é formado por pilotos iniciantes. Esse mesmo modelo racional também será estendido para a SuperSport, que conta com as categorias SuperSport e SuperSport Extreme.

O SuperBike Brasil, nesses quase 10 anos, veio amadurecendo no formato de como receber melhor os diferentes tipos de piloto. É realmente um amadurecimento, porque, nos campeonatos de motos nas décadas passadas, embora ninguém fosse profissional de fato, largavam 50, três ganhavam e acabou. O problema é que isso cria um tremendo desestímulo, e a referência mundo afora é que você tem que criar subcategorias e trazer os amadores. Usando essa referência que vem do Campeonato Britânico, o SuperBike Brasil foi o primeiro a trazer pilotos de rua para a pista, e esses pilotos foram crescendo e se profissionalizando“, disse Bruno Corano, Presidente da Associação de Pilotos da Motovelocidade.

SuperBike Brasil traz novidades nos grids para a temporada 2018

Veja a programação do domingo (29) da 1ª etapa do SuperBike Brasil 2018:

8h às 8h10 – Warm Up: SuperBike Light, Evo e SuperStock 1000cc
8h15 às 8h25 – Warm Up: SuperBike Escola/SuperSport Escola
8h30 às 8h40 – Warm Up: SuperBike 1000cc
8h45 às 9h25 – Corrida (8 voltas): Honda Junior Cup
9h30 às 10h15 – Corrida (10 voltas): Yamalube R3 Cup
10h20 às 11h10 – Corrida (10 voltas): Copa Honda CBR 500R
11h10 às 11h25 – Show de manobras
11h25 às 12h10 – Corrida (12 voltas): SuperSport e Stock 600cc
12h15 às 13h10 – Corrida (14 voltas): SuperBike 1000cc
13h15 às 13h35 – Show de manobras
13h40 às 14h30 – Corrida (12 voltas): SuperBike Light, Evo e SuperStock 1000cc
14h35 às 15h25 – Corrida (12 voltas): SuperBike Escola e SuperSport Escola

As entradas podem ser encontradas nos pontos de vendas físicos relacionados no site (Clique e veja a lista).
O ingresso que dá acesso ao box e paddock tem valor antecipado de R$ 40, enquanto o valor no dia do evento será de R$ 50,00 nas bilheterias de Interlagos.
Nos pontos de vendas físicos, também poderão ser retirados os ingressos gratuitos de arquibancada.

Informações e fotos: Imprensa SuperBike

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui