quinta-feira, 26 maio 2022

Rea vence na Espanha e Kawasaki conquista título de construtores

 Rea vence as duas baterias no GP da Espanha
Rea vence as duas baterias no GP da Espanha

A Kawasaki Racing Team teve um final de semana quase perfeito na disputa da etapa da Espanha do Mundial de SuperBike. O campeão antecipado, (#1), venceu as duas baterias no tradicional Circuito de Jerez e a Kawasaki confirmou o favoritismo e conquistou o campeonato na disputa entre fabricantes. A marca japonesa alcançou 549 pontos e comemorou mais um título nesta temporada.

A 12ª e penúltima rodada da competição só não foi ainda melhor devido aos resultados de Tom Sykes (#66). Apesar de comemorar o centésimo pódio da carreira, o piloto britânico perdeu a vice-liderança do campeonato e agora ocupa a terceira posição, empatado em número de pontos com Chaz Davies (#7), da Ducati.

Com a tranquilidade de entrar na pista com o tricampeonato no bolso, Jonathan Rea não teve grandes dificuldades para alcançar à sua 14ª vitória na temporada 2017 e dominar a etapa em Jerez de la Frontera. A maior disputa ocorreu na primeira bateria realizada no sábado (21). O norte-irlandês, que largou em segundo, tomou a dianteira na volta inicial, porém, não conseguiu abrir vantagem para o então vice-líder, Marco Melandri (#33), da Ducati. Os dois pilotos brigaram pela liderança ao longo de quase toda a prova e revezaram a ponta. Entretanto, o italiano teve problemas mecânicos nas voltas finais e abandonou a corrida. Com isso, Rea reassumiu a primeira posição e recebeu a bandeirada em primeiro.

Tom Sykes  Kawasaki Racing Team

Enquanto isso, Tom Sykes garantiu o terceiro lugar na primeira bateria e comemorou o seu centésimo pódio da carreira. O piloto britânico largou em quarto e passou a maior parte da prova atrás de Chaz Davies, seu principal adversário nesta temporada. Com a quebra da Melandri, Sykes ganhou uma posição e recebeu a bandeirada em terceiro.

Já na segunda bateria, disputada no domingo (22), Jonathan Rea foi impecável. O piloto liderou a prova de ponta a ponta e garantiu os pontos necessários para a Kawasaki faturar o título no campeonato de construtores com uma rodada de antecedência.

A Kawasaki ganhou o campeonato de construtores hoje [domingo] e [o mérito] não foi apenas da moto, do piloto, da gestão ou do chefe de equipe. Foi de cada pessoa dentro do time e no departamento de corrida no Japão. Todos participaram desse resultado e eu estou muito orgulhoso de fazer parte disso. Na corrida, tive uma largada muito boa. Meus mecânicos estavam me incentivando logo antes de sair para o grid. A vitória veio do meu chefe de equipe, Pere Riba, que me pediu para confiar nele com algumas mudanças de geometria e no pneu dianteiro. O resultado foi fantástico”, comentou Rea.

Para Tom Sykes, o resultado não foi tão positivo. O piloto britânico teve problemas de tração na roda traseira de sua moto e obteve apenas o quinto lugar na segunda bateria. Distante dos ponteiros, ele se manteve em sexto ao longo de toda a primeira metade da prova. Na 10ª volta, conseguiu ultrapassar Michael Van Der Mark (#60), da Yamaha, e confirmou a quinta posição. Após a corrida, Sykes falou sobre o resultado e sobre a vitória da Kawasaki na disputa entre fabricantes.

Jonathan Rea  Kawasaki Racing Team

A Kawasaki realizou ótimas corridas nos últimos anos e certamente tem uma excelente equipe que a ajuda a atingir os seus objetivos. Para a fábrica, obter este título provavelmente é tão especial quanto o campeonato de pilotos. Hoje [domingo] eles receberam o prêmio pelo seu esforço. O quinto lugar não era o que eu esperava. Eu estava ‘brigando’ com a configuração da moto e, para ser honesto, não consegui encontrar a tração traseira ideal. Acabei tentando algumas coisas enquanto pilotava e, finalmente, foi bom manter os tempos de volta em 1’41s baixo. Esse tempo foi tão rápido, ou mais rápido que o de ontem [sábado], mas, seja qual for o motivo, não consegui ter aderência na traseira”, declarou Sykes.

Com o resultado no GP da Espanha, Tom Sykes viu Chaz Davies tomar a sua posição e ocupar a vice-liderança do campeonato. Os dois pilotos somam 363 pontos, porém, devido ao critério de desempate – número de vitórias – Davies ocupa o segundo posto. A definição do vice-campeonato ficará para a rodada final. Para fechar a dobradinha da Kawasaki na temporada 2017, Sykes precisa apenas terminar as provas na frente do adversário. Já seu companheiro de equipe, Jonathan Rea, pode superar o próprio recorde em pontuação. O norte-irlandês tem 506 pontos e, caso vença as duas baterias finais, chegará a 556 pontos, batendo a marca pessoal de 548 pontos conquistados em 2015.

Kawasaki Racing Team

Agora o Mundial de SuperBike se prepara para à sua rodada decisiva. A última etapa do calendário 2017 será realizada no Qatar, no Circuito de Losail, nos dias 2, 3 e 4 de novembro.

Por: VGCOM – Fotos: Kawasaki EUA | Kawasaki BR | VGCOM

Junior Rodrigues
Junior Rodrigueshttps://tudodemotos.com.br
Um cidadão que luta para vencer. Web designer, desenvolvedor web e editor ao mesmo. Já fui radialista, publicitário e até metalúrgico metaleiro. Acabei entrando e abraçando o mundo 2 rodas por influencia do meu irmão mais velho.

Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.