A última etapa da MotoGP foi de festa portuguesa. Desde a conquista da pole até a vitória do piloto da casa, Miguel Oliveira.

MotoGP: Miguel Oliveira foi brilhante correndo em casa para encerrar a temporada 2020
MotoGP: Miguel Oliveira foi brilhante correndo em casa para encerrar a temporada 2020

Da pole à vitória: O português Miguel Oliveira (Red Bull KTM Tech3) conquistou sua segunda vitória de 2020 em grande estilo para completar o fim de semana de sonho em casa. O piloto português conquistou uma vitória maiúscula, perfeita, flag to flag.

Miguel terminou 3,1 segundos à frente do segundo lugar Jack Miller (Pramac Racing), que ajudou a Ducati a conquistar o título de Construtor, com o australiano levando a melhor sobre o terceiro lugar Franco Morbidelli (Petronas Yamaha SRT) na última volta.

Nostro Franco, por outro lado, conseguiu o vice campeonato de 2020, apenas 13 pontos de diferença para Joan Mir. Nada mal para quem passou a temporada com um equipamento de 2019, sendo a maior parte do tempo tido como o “segundo” piloto da equipe satélite.
Morbidelli mostrou mesmo assim que tem potencial para muito mais que isso. Mostrou competitividade quando precisava. Conseguiu tirar o melhor do equipamento. Talvez até mostrando que a Yamaha errou bastante na sua “versão” 2020.

Franco Morbidelli conquista o vice campeonato, sendo o melhor piloto da Yamaha de 2020
Franco Morbidelli conquista o vice campeonato, sendo o melhor piloto da Yamaha de 2020

Com cinco pódios, três deles com vitórias, fazem com que o melhor piloto da Yamaha no Campeonato seja Morbidelli.

A maior emoção da corrida de Portimão foi aliás, a disputa entre Miller e Morbidelli. Miller conseguiu passr na Curva 13 da última volta. Os dois já haviam protagonizado uma disputa emocianante na corrida passada.

O pódio ficou com Oliveira, conquistando a terceira vitória para KTM este ano, Jack Miller e Franco Morbidelli.

E assim, as cortinas estão fechadas para uam temporada (nada convencional) de 2020 da MotoGP.

MotoGP nos vemos em 2021!

O Grande Prêmio de Portugal em Portimão, terminou assim – top 10:

1. Miguel Oliveira (Red Bull KTM Tech3)
2. Jack Miller (Pramac Racing) + 3.193
3. Franco Morbidelli (Petronas Yamaha SRT) + 3.298
4. Pol Espargaro (Red Bull KTM Factory Racing) + 12.626
5. Takaaki Nakagami (LCR Honda Idemitsu) + 13.318
6. Andrea Dovizioso (Ducati Team) + 15.578
7. Stefan Bradl (Repsol Honda Team) + 15.738
8. Aleix Espargaro (Aprilia Racing Team Gresini) + 16.034
9. Alex Marquez (Repsol Honda Team) + 18.325
10. Johann Zarco (Esponsorama Racing) + 18.596

Deixe uma resposta