InícioMarcasBMWBMW M 1000 XR é lançada: uma aventureira esportiva que pode chegar...

BMW M 1000 XR é lançada: uma aventureira esportiva que pode chegar a 280 km/h

Já falamos dela por aqui. A BMW M 1000 XR chamou a atenção quando ainda era um protótipo há alguns meses atrás. Com uma potência de 202 cv, velocidade que pode chegar perto de 300km/h, peso seco de 223 kg e suspensões de alta performance, a nova BMW M 1000 XR é o mais recente lançamento do segmento “M” da BMW: uma aventureira verdadeiramente esportiva.

BMW M 1000 XR: ‘asas’ ou winglets
BMW M 1000 XR: ‘asas’ ou winglets

BMW M 1000 XR – Desempenho

Derivada da S 1000 XR, que não está mais disponível para venda no Brasil, a M 1000 XR compartilha o motor de quatro cilindros em linha proveniente da S 1000 RR. Com sistema de arrefecimento líquido e comando de válvulas variável, esse tetracilíndrico gera uma potência máxima de 202 cv a 12.750 rotações por minuto, 31 cv a mais do que sua antecessora, a S 1000 XR. Alcançando um torque máximo de 11,5 m.kgf a 11.000 rotações.

A BMW revela a aceleração de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos. A nova aventureira esportiva apresenta uma relação final mais curta em comparação com seu modelo anterior. Além disso, as 4ª, 5ª e 6ª marchas foram encurtadas em relação à S 1000 XR. Nos testes ainda em protótipo, a velocidade máxima alcançada chegou a 280 km/h.

Inovações e Destaques

Conforto e Agilidade: A BMW M 1000 XR se destaca por oferecer o equilíbrio entre conforto para viagens longas e agilidade para pilotagem esportiva em pistas, cativando tanto os aventureiros quanto os entusiastas da velocidade.

Potência Aprimorada: Com um motor de quatro cilindros em linha, arrefecimento líquido e comando de válvulas variável, a M 1000 XR atinge uma potência máxima de 202 cv a 12.750 rpm, estabelecendo-se como um marco no segmento.

Aceleração Rápida: Capaz de atingir a marca de 0 a 100 km/h em apenas 3,2 segundos, esta máquina esportiva representa um avanço significativo em termos de desempenho e velocidade.

Roda e Marchas Mais Curtas: A nova aventureira esportiva traz inovações nas relações de marchas, com as 4ª, 5ª e 6ª marchas mais curtas em comparação com seu antecessor, proporcionando uma experiência de condução mais ágil e dinâmica.

BMW M 1000 XR 2024
BMW M 1000 XR 2024

Quer Ficar por dentro do mundo Duas Rodas?
Entre para o nosso Grupo de Whats!

Winglets ou as famosas “asas”

Além das melhorias no motor e suspensão, a aerodinâmica recebeu atenção especial durante o desenvolvimento da aventureira esportiva da linha M. As inovadoras winglets (ou asas) estão presentes na nova M 1000 XR, assemelhando-se às motos de corrida, instaladas nas carenagens laterais. Segundo a BMW, o propósito dessas asas é otimizar os tempos de volta em pista e oferecer maior estabilidade em altas velocidades. Para ilustrar, as asas da M 1000 XR geram uma downforce aproximada de 12 kg quando a 220 km/h.

BMW M 1000 XR 2024
BMW M 1000 XR 2024

A estrutura da suspensão e do chassi da nova M XR tem como base a S 1000 XR e o seu quadro em alumínio. No entanto, a versão M é equipada com garfos invertidos, apresentando tubos de 45 mm de diâmetro na parte dianteira. Esses garfos possuem sistemas hidráulicos e de amortecimento independentes. Destaca-se ainda o ajuste eletrônico da suspensão, conhecido como Dynamic Damping Control (DDC).

Para proporcionar a desaceleração precisa desta aventureira esportiva, a BMW incorporou freios provenientes da linha M, desenvolvidos nos circuitos do Campeonato Mundial de Superbike. Com dois discos de 320 mm de diâmetro, o sistema dispõe de pinças radiais, representando a vanguarda em tecnologia de freios.

As rodas, de 17 polegadas, são produzidas em alumínio forjado. Como parte do pacote M Competition, os consumidores têm a opção de escolher as exclusivas rodas de fibra de carbono.

Tecnologia

A M 1000 XR é equipada com um painel de instrumentos TFT de 6,5 polegadas, integrando uma interface OBD que possibilita a conexão com o opcional M GPS, oferecendo aplicativos de registro de telemetria. Os recursos de conectividade e tecnologia desta motocicleta permitem uma experiência de condução mais personalizada e integrada.

BMW M 1000 XR 2024: Painel TFT 6,5 polegadas
BMW M 1000 XR 2024: Painel TFT 6,5 polegadas

Oferece diversos modos de condução: Chuva, Estrada, Dinâmico, Corrida e Race Pro de um a três, possibilitando ajustes de desempenho conforme as preferências do piloto. Além disso, apresenta uma ampla gama de auxílios eletrônicos, incluindo:

  • Limitador de Velocidade de Pit Lane: Para controlar a velocidade durante a passagem pela área de boxes.
  • Controle de Arrancada: Auxilia na partida, oferecendo melhor controle.
  • Controle Dinâmico de Tração: Garante estabilidade e aderência em diferentes condições de pilotagem.
  • Controle de Empinada: Controla a elevação da roda dianteira em acelerações fortes.
  • Controle de Deslizamento: Mantém o controle em deslizamentos e situações de baixa aderência.
  • Controle Dinâmico de Freio: Contribui para a segurança e desempenho do sistema de freios.
  • Assistente de Mudança de Marcha Pro: Facilita a troca de marchas de forma mais precisa e eficiente.
  • Assistente de Partida em Rampa: Facilita a partida em subidas, garantindo um início suave.

Qual o Preço? Vem para o Brasil?

A moto nos Estados Unidos, chega com o preço de US$ 29.995, em conversão direta, algo em torno de R$ 150 mil reais (outubro/ 2023).

No Brasil, a BMW parou de comercializar os modelos crossover, como a S 1000 XR e a F 900 XR. Vamos torcer para que ela esteja naquele pacote de lançamentos da BMW Brasil, mas… a julgar pelos outros modelos, o Brasil não deverá contar com a M 1000 XR.

Junior Rodrigues
Junior Rodrigueshttps://tudodemotos.com.br
Um cidadão que luta para vencer. Jornalista, web designer, desenvolvedor web e editor ao mesmo. Já fui radialista, publicitário e até metalúrgico metaleiro. Acabei entrando e abraçando o mundo 2 rodas por influencia do meu irmão mais velho.
RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS ACESSADOS